SANDRA OLIVEIRA - ESTETICISTA, CABELEIREIRA E PERSONAL CARE VALMARI

"Os verdadeiros vencedores na vida são pessoas que olham para cada situação com a esperança de poder resolvê-la ou melhorá-la."

Barbara Pletcher

21/07/2010

Salto alto: amigo da beleza, inimigo do corpo

Andar em cima do salto o dia todo deixa o corpo mais esguio, o andar mais elegante e a roupa com um caimento perfeito.

Apesar das grandes vantagens que leva em relação ao seu irmão mais baixo quando o assunto é aparência, o salto alto, quando usado em demasia, pode causar prejuízos à saúde.

Dores na coluna, problemas no joelho e até encurtamento dos músculos da panturrilha são algumas das conseqüências do uso excessivo deste acessório. Por isso, é bom repensar e descer do salto de vez em quando.

Mas não é preciso radicalizar e jogar fora todos os pares de sapato que tenham saltos com mais de quatro centímetros. A recomendação dos ortopedistas é que se faça um rodízio entre as estaturas da sua sola.O ideal é alternar saltos médios com outros baixos e, de vez em quando, incluir os altos na sua rotina.

O que não pode é deixar que seus pés se acostumem a um tipo específico de salto. Se fizer isso, você sentirá dor a cada mudança na altura do salto.Cuidado redobrado com o salto finoSe você pensar um pouquinho na sua saúde, certamente deixará os sapatos de salto fino em algum canto do guarda-roupa, esperando por uma ocasião especial que mereça seu uso.

É que o chamado salto agulha é o que mais problemas pode trazer à sua saúde, e o principal responsável pelo já citado encurtamento dos músculos da panturrilha.

O que acontece é que, por levar o calcanhar às alturas, deixando-o apoiado apenas por uma superfície pequena e fina, o sapato com salto fino faz com que o peso do corpo fique todo concentrado na parte da frente do pé, causando desconforto, dor e problemas nas costas.Prefira saltos grossos e plataformas.

Se o uso do salto alto é imprescindível no seu dia-a-dia, prefira aqueles grossos, que dão maior sustentação e equilíbrio, e não forçam demais determinadas áreas do corpo, o que acaba por evitar desconfortos físicos.

As plataformas também são indicadas para quem não abre mão de uns centímetros a mais: por terem o salto alto por toda a extensão da sola, o sapato tipo plataforma consegue fazer uma melhor distribuição do peso do corpo.Cuidados essenciaisPara prevenir dores nas costas, problemas de circulação e até o encurtamento do músculo da batata da perna, acostume-se a alongar a parte inferior da perna.

Alguns minutos por dia de alongamento desta região são suficientes para que você compense a permanência nas alturas durante o dia.Experimente, ao tirar o salto alto, alongar a perna. É simples, fácil e rápido. Aqueles alongamento típicos das aulas de educação física e das academia são perfeitos.

Caso não conheça nenhum tipo de alongamento, informe-se com um especialista. E continue cuidando muito bem dos seus pés e pernas, afinal, você precisa dessa sustentação!



Fonte: Rede Farmavip

Nenhum comentário:

Postar um comentário